Version classiqueVersion mobile

Famílias no campo

 | 
Karin Wall

Nota prévia

Texte intégral

1Este livro é uma investigação sociológica sobre a família camponesa no passado e no presente. Tal como as famílias nele estudadas, tem uma história longa e complexa. Começou pelo desejo de compreender as mudanças em curso na sociedade rural dos anos oitenta e de procurar captar, antes que a memória deles se perdesse, um mundo rural antigo e uma vida familiar centrada na lavoura, que subsistiram, em Portugal, até há bem pouco tempo. Tomou depois a forma de um doutoramento em Sociologia pela Universidade de Genebra, baseado no trabalho de terreno iniciado em 1985 em duas freguesias do concelho de Vila Nova de Famalicão. Dessa primeira versão nasceu este livro, traduzido do francês por Magda Bigotte; retirámos do original os capítulos de enquadramento teórico, um capítulo sociográfico sobre o concelho de Vila Nova de Famalicão, parte da bibliografia e os anexos metodológicos (é aí que o leitor interessado poderá encontrar uma análise mais aprofundada das questões teóricas e metodológicas orientadoras do trabalho de investigação). O objectivo foi aligeirar uma obra demasiado extensa e cumprir um propósito que acompanhou a sua concepção: devolver o retrato da vida familiar camponesa no passado e no presente às pessoas e às famílias que, pelos seus testemunhos, o tornaram possível e, também, a um público mais vasto interessado pela evolução e transformação da sociedade portuguesa.

© Etnográfica Press, 1998

Licence OpenEdition Books

Cette publication numérique est issue d’un traitement automatique par reconnaissance optique de caractères.

Acheter

Rechercher dans OpenEdition Search

Vous allez être redirigé vers OpenEdition Search