Version classiqueVersion mobile

Retrato de aldeia com espelho

 | 
Joaquim Pais de Brito

Caderno de imagens

Texte intégral

Foto 1 – Conjunto de casas na margem direita do rio.

Foto 1 – Conjunto de casas na margem direita do rio.

Foto 2 – A escada, varanda e loja para os animais.

Foto 2 – A escada, varanda e loja para os animais.

Foto 3 – Arranjo de uma casa com os materiais e a forma tradicional no âmbito de um plano de intervenção da Junta de Colonização Interna/Instituto de Reorganização Agrária (1975).

Foto 3 – Arranjo de uma casa com os materiais e a forma tradicional no âmbito de um plano de intervenção da Junta de Colonização Interna/Instituto de Reorganização Agrária (1975).

Foto 4 – Casario da aldeia de Rihonor de Castilla. Ao fundo a escola encerrada em 1976 por falta de população escolar.

Foto 4 – Casario da aldeia de Rihonor de Castilla. Ao fundo a escola encerrada em 1976 por falta de população escolar.

Foto 5 – Casas em Rihonor de Castilla.

Foto 5 – Casas em Rihonor de Castilla.

Foto 6 – Idem: Tendo no passado servido para habitação, são hoje palheiros para guarda do feno e animais.

Foto 6 – Idem: Tendo no passado servido para habitação, são hoje palheiros para guarda do feno e animais.

Foto 7 – As Faceiras de Rio de Onor e Rihonor de Castilla. Ao fundo a aldeia espanhola. O regato que as divide, assinalado por algumas parreiras e arvores, é a linha divisória da fronteira entre os dois estados.

Foto 7 – As Faceiras de Rio de Onor e Rihonor de Castilla. Ao fundo a aldeia espanhola. O regato que as divide, assinalado por algumas parreiras e arvores, é a linha divisória da fronteira entre os dois estados.

Foto 8 – O fértil terreno irrigado e vedado das Faceiras de ambas as aldeias, no dia em que é aberto à totalidade dos animais que comem no que resta das culturas recém-colhidas, antes de ser de novo lavrado e semeado (25 de Abril de 1976).

Foto 8 – O fértil terreno irrigado e vedado das Faceiras de ambas as aldeias, no dia em que é aberto à totalidade dos animais que comem no que resta das culturas recém-colhidas, antes de ser de novo lavrado e semeado (25 de Abril de 1976).

Foto 9 – A Faceira de Rio de Onor no único dia do ano em que a boiada pode ser observada, no seu conjunto, dentro da aldeia.

Foto 9 – A Faceira de Rio de Onor no único dia do ano em que a boiada pode ser observada, no seu conjunto, dentro da aldeia.

Foto 10 – A sementeira na Faceira de Rihonor de Castilla; na aldeia portuguesa já foi quase totalmente concluída. A partir de então as Faceiras voltam a ser vedadas até ao ano seguinte.

Foto 10 – A sementeira na Faceira de Rihonor de Castilla; na aldeia portuguesa já foi quase totalmente concluída. A partir de então as Faceiras voltam a ser vedadas até ao ano seguinte.

Foto 11 – Sementeira do centeio na folha do pão.

Foto 11 – Sementeira do centeio na folha do pão.

Foto 12 – O acarrejo do pão para a eira onde é feita a meda aguardando a debulha.

Foto 12 – O acarrejo do pão para a eira onde é feita a meda aguardando a debulha.

Foto 13 – A malhodeira que faz a debulha.

Foto 13 – A malhodeira que faz a debulha.

Foto 14 – A malha. O transporte da palha com o movimento síncrono de três espalhadeiras, para a feitura do medeiro (Agosto de 1977).

Foto 14 – A malha. O transporte da palha com o movimento síncrono de três espalhadeiras, para a feitura do medeiro (Agosto de 1977).

Foto 15 – Malhas. Refeição da quadrilha (Agosto de 1977).

Foto 15 – Malhas. Refeição da quadrilha (Agosto de 1977).

Foto 16 – Vizinho a servir-se do moinho comunal no seu dia de turno.

Foto 16 – Vizinho a servir-se do moinho comunal no seu dia de turno.

Foto 17 – Feitura do carvão com a cepa da urze; actividade hoje residual, mas recurso económico de extrema importância até meados do século.

Foto 17 – Feitura do carvão com a cepa da urze; actividade hoje residual, mas recurso económico de extrema importância até meados do século.

Foto 18 – Mulher da aldeia portuguesa a lavar já em território espanhol, junto ao marco divisório da fronteira.

Foto 18 – Mulher da aldeia portuguesa a lavar já em território espanhol, junto ao marco divisório da fronteira.

Foto 19 – Conselho para a eleição dos mordomos: os mordomos cessantes conferem as contas antes do início da eleição (1 de Janeiro de 1976).

Foto 19 – Conselho para a eleição dos mordomos: os mordomos cessantes conferem as contas antes do início da eleição (1 de Janeiro de 1976).

Foto 20 – Idem: tempo de espera. O presidente da Junta de Freguesia, com o livro no joelho, tratará igualmente de assuntos de interesse geral.

Foto 20 – Idem: tempo de espera. O presidente da Junta de Freguesia, com o livro no joelho, tratará igualmente de assuntos de interesse geral.

Foto 21 – Conselho para a eleição dos mordomos (1976): a votação. Cada vizinho nomeia aqueles que deseja para mordomos, indicação que um dos mordomos cessantes inscreve com a navalha na tala. O secretário da Junta de Freguesia assiste à votação.

Foto 21 – Conselho para a eleição dos mordomos (1976): a votação. Cada vizinho nomeia aqueles que deseja para mordomos, indicação que um dos mordomos cessantes inscreve com a navalha na tala. O secretário da Junta de Freguesia assiste à votação.

Foto 22 – Conselho para a eleição dos mordomos: inscrição do voto na tala (1 de Janeiro de 1978).

Foto 22 – Conselho para a eleição dos mordomos: inscrição do voto na tala (1 de Janeiro de 1978).

Foto 24 – Conselho para a eleição dos mordomos: os mordomos cessantes passam as contas a um dos mordomos eleitos (I de Janeiro de 1978).

Foto 24 – Conselho para a eleição dos mordomos: os mordomos cessantes passam as contas a um dos mordomos eleitos (I de Janeiro de 1978).

Foto 25 – Conselho para eleição dos mordomos: a tala, a canada, o copo e o garrafão de vinho trazidos para a eleição que teve lugar, pela primeira vez, num espaço fechado-a escola velha transformada em Casa do Povo (1 de Janeiro de 1982).

Foto 25 – Conselho para eleição dos mordomos: a tala, a canada, o copo e o garrafão de vinho trazidos para a eleição que teve lugar, pela primeira vez, num espaço fechado-a escola velha transformada em Casa do Povo (1 de Janeiro de 1982).

Foto 26 – Conselho para limpeza e feitura das agueiras nos coutos (Março de 1975).

Foto 26 – Conselho para limpeza e feitura das agueiras nos coutos (Março de 1975).

Foto 27 – Idem: pausa para a merenda.

Foto 27 – Idem: pausa para a merenda.

Foto 28 – Conselho para limpeza e feitura das agueiras nos coutos: a merenda (Março de 1976).

Foto 28 – Conselho para limpeza e feitura das agueiras nos coutos: a merenda (Março de 1976).

Foto 29 – Conselho para a limpeza dos coutos (Março de 1981).

Foto 29 – Conselho para a limpeza dos coutos (Março de 1981).

Foto 30 – Concejo para a limpeza e feitura das agueiras no coto da aldeia de Rihonor de Castilla (Março de 1976).

Foto 30 – Concejo para a limpeza e feitura das agueiras no coto da aldeia de Rihonor de Castilla (Março de 1976).

Foto 31 – Idem: pausa para a merenda.

Foto 31 – Idem: pausa para a merenda.

Foto 32 – Conselho para tapar as presas nos coutos: arranque de torrões com ervas (Agosto de 1976).

Foto 32 – Conselho para tapar as presas nos coutos: arranque de torrões com ervas (Agosto de 1976).

Foto 33 – Idem: colocação e aperto dos torrões.

Foto 33 – Idem: colocação e aperto dos torrões.

Foto 34 – Idem.

Foto 34 – Idem.

Foto 35 – Conselho para a reparação de uma das presas nos coutos: transporte das pedras (Agosto de 1976).

Foto 35 – Conselho para a reparação de uma das presas nos coutos: transporte das pedras (Agosto de 1976).

Foto 36 – Idem.

Foto 37 – Idem.

Foto 37 – Idem.

Foto 38 – Idem: colocação das pedras.

Foto 38 – Idem: colocação das pedras.

Foto 39 – Conselho para a segada do feno no couto (23 de Junho de 1976).

Foto 39 – Conselho para a segada do feno no couto (23 de Junho de 1976).

Foto 40 – Idem: pausa para a merenda.

Foto 40 – Idem: pausa para a merenda.

Foto 41 – Pausa para a merenda no dia da segada do couto no final dos anos 40 (foto Jorge Dias).

Foto 41 – Pausa para a merenda no dia da segada do couto no final dos anos 40 (foto Jorge Dias).

Foto 42 – Conselho para a segada do feno no couto: à tarde os homens espalham o feno cortado para que seque, servindo-se do cabo dagadanha.

Foto 42 – Conselho para a segada do feno no couto: à tarde os homens espalham o feno cortado para que seque, servindo-se do cabo dagadanha.

Foto 43 – Idem: pausa para a merenda e votação para decidir sobre a casa por onde começaria, à roda, a utilização do moinho.

Foto 43 – Idem: pausa para a merenda e votação para decidir sobre a casa por onde começaria, à roda, a utilização do moinho.

Foto 44 – Idem: regresso a casa ao fim do dia.

Foto 44 – Idem: regresso a casa ao fim do dia.

Foto 45 – Os cinco carros de feno segado no couto, para o touro da aldeia, antes de serem descarregados (25 de Junho de 1976).

Foto 45 – Os cinco carros de feno segado no couto, para o touro da aldeia, antes de serem descarregados (25 de Junho de 1976).

Foto 46 – Conselho para alargamento do couto com desvio do rio (Agosto de 1977).

Foto 46 – Conselho para alargamento do couto com desvio do rio (Agosto de 1977).

Foto 47 – Idem.

Foto 47 – Idem.

Foto 48 – Idem.

Foto 48 – Idem.

Foto 49 – Conselho para a feitura da agueiro da Faceira das hortas dentro da aldeia (Maio de 1976).

Foto 49 – Conselho para a feitura da agueiro da Faceira das hortas dentro da aldeia (Maio de 1976).

Foto 50 – Idem: depois do trabalho, à espera do vinho que o mordomo foi buscar.

Foto 50 – Idem: depois do trabalho, à espera do vinho que o mordomo foi buscar.

Foto 51 – Espera, ao abrigo do vento, para o conselho de arrematação dos bens dos Santos (Janeiro de 1976).

Foto 51 – Espera, ao abrigo do vento, para o conselho de arrematação dos bens dos Santos (Janeiro de 1976).

Foto 52 – Votação “por pedras” para decidir sobre a aquisição de um touro comunal (Janeiro de 1976).

Foto 52 – Votação “por pedras” para decidir sobre a aquisição de um touro comunal (Janeiro de 1976).

Foto 53 – Conselho pura a cava da vinha do Santo (Maio de 1976).

Foto 53 – Conselho pura a cava da vinha do Santo (Maio de 1976).

Foto 54 – Conselho para a vindima da vinha do Santo: leilão das uvas (Outubro de 1976).

Foto 54 – Conselho para a vindima da vinha do Santo: leilão das uvas (Outubro de 1976).

Foto 55 – Conselho para o arranjo dos caminhos para o acarrejo (Julho de 1976).

Foto 55 – Conselho para o arranjo dos caminhos para o acarrejo (Julho de 1976).

Foto 56 – Conselho para arranjo da estrada e do caminho dos coutos, em Novembro de 1973 (foto Benjamim Pereira).

Foto 56 – Conselho para arranjo da estrada e do caminho dos coutos, em Novembro de 1973 (foto Benjamim Pereira).

Foto 57 – Conselho para o arranjo da escola velha (Janeiro de1976).

Foto 57 – Conselho para o arranjo da escola velha (Janeiro de1976).

Foto 58 – Conselho para a reconstrução do muro da Faceira (Fevereiro de1976).

Foto 58 – Conselho para a reconstrução do muro da Faceira (Fevereiro de1976).

Foto 59 – Conselho misto de Rio de Onor e Rihonor de Castilla para decidir sobre o arranjo do caminho internacional que conduz às vinhas de ambas as aldeias (Setembro de 1976).

Foto 59 – Conselho misto de Rio de Onor e Rihonor de Castilla para decidir sobre o arranjo do caminho internacional que conduz às vinhas de ambas as aldeias (Setembro de 1976).

Foto 60 – Concejo de Rihonor de Castilla reunido no sítio habitual (1976).

Foto 60 – Concejo de Rihonor de Castilla reunido no sítio habitual (1976).

Foto 61 – Convocação extraordinária do povo para combater um incêndio na eira da aldeia espanhola (Março de 1975).

Foto 61 – Convocação extraordinária do povo para combater um incêndio na eira da aldeia espanhola (Março de 1975).

Foto 62 – Convocação extraordinária dos homens do Conselho (de ambas as aldeias) para enterrar uma vaca morta por doença (Setembro de 1975).

Foto 62 – Convocação extraordinária dos homens do Conselho (de ambas as aldeias) para enterrar uma vaca morta por doença (Setembro de 1975).

Foto 63 – Convocação extraordinária dos homens do Conselho (de ambas as aldeias) para enterrar uma vaca morta por doença (Setembro de 1975).

Foto 63 – Convocação extraordinária dos homens do Conselho (de ambas as aldeias) para enterrar uma vaca morta por doença (Setembro de 1975).

Foto 64 – Idem.

Foto 64 – Idem.

Foto 65 – Idem.

Foto 65 – Idem.

Foto 66 – Na rua: o dia em que cada um dos vizinhos faz a tosquia das suas ovelhas.

Foto 66 – Na rua: o dia em que cada um dos vizinhos faz a tosquia das suas ovelhas.

Foto 67 – Na rua: o fabrico da aguardente.

Foto 67 – Na rua: o fabrico da aguardente.

Foto 68 – Na rua: a cobertura da porca.

Foto 68 – Na rua: a cobertura da porca.

Foto 69 – Na rua: enquanto um homem pica o gadanho, um garoto diverte-se afazer propaganda eleitoral.

Foto 69 – Na rua: enquanto um homem pica o gadanho, um garoto diverte-se afazer propaganda eleitoral.

Foto 70 – Na rua: um homem corta o cabelo, uma mulher vem da eira com um feixe de palha e, ao fundo, um homem escava um tronco de árvore para fazer uma colmeia.

Foto 70 – Na rua: um homem corta o cabelo, uma mulher vem da eira com um feixe de palha e, ao fundo, um homem escava um tronco de árvore para fazer uma colmeia.

Foto 71 – Na rua: o carpinteiro faz. uma grade diante da casa do vizinho que a encomendou.

Foto 71 – Na rua: o carpinteiro faz. uma grade diante da casa do vizinho que a encomendou.

Foto 72 – Na rua: um homem faz a untaça com as banhas do porco.

Foto 72 – Na rua: um homem faz a untaça com as banhas do porco.

Foto 73 – À lareira a fiar.

Foto 73 – À lareira a fiar.

Foto 74 – A visita das casas no Domingo de Páscoa.

Foto 74 – A visita das casas no Domingo de Páscoa.

Foto 75 – Os folares da Páscoa acabados de cozer no principal forno de herdeiros da aldeia.

Foto 75 – Os folares da Páscoa acabados de cozer no principal forno de herdeiros da aldeia.

Foto 76 – A ronda da manhã em dia de casamento: os tocadores de gaita e caixa com familiares dos noivos regressam à aldeia portuguesa depois de terem feito a volta à aldeia espanhola.

Foto 76 – A ronda da manhã em dia de casamento: os tocadores de gaita e caixa com familiares dos noivos regressam à aldeia portuguesa depois de terem feito a volta à aldeia espanhola.

Foto 77 – Cortejo acompanhando o noivo até à casa da noiva antes da cerimónia na igreja.

Foto 77 – Cortejo acompanhando o noivo até à casa da noiva antes da cerimónia na igreja.

Foto 78 – A fita talanqueira colocada como barreira à saída da igreja é desempenhada pelos recém-casados e pelo padrinho mediante uma dádiva às raparigas, depois de ouvidas as loas.

Foto 78 – A fita talanqueira colocada como barreira à saída da igreja é desempenhada pelos recém-casados e pelo padrinho mediante uma dádiva às raparigas, depois de ouvidas as loas.

Foto 79 – A meio do caminho para a casa da boda os rapazes solteiros barram a rua, despedem-se dos noivos e pedem dinheiro para vinho, entoando loas.

Foto 79 – A meio do caminho para a casa da boda os rapazes solteiros barram a rua, despedem-se dos noivos e pedem dinheiro para vinho, entoando loas.

Foto 80 – A feitura das comidas da boda.

Foto 80 – A feitura das comidas da boda.

Foto 81 – Um vizinho que dividiu, em vida, parte dos bens pelas duas filhas, faz o sorteio dos lotes com a ajuda do neto.

Foto 81 – Um vizinho que dividiu, em vida, parte dos bens pelas duas filhas, faz o sorteio dos lotes com a ajuda do neto.

Foto 82 – Idem.

Foto 82 – Idem.

Foto 83 – A morte: o velório com os parentes próximos junto ao corpo.

Foto 83 – A morte: o velório com os parentes próximos junto ao corpo.

Foto 84 – Idem: os risos e as conversas banais dos vizinhos presentes.

Foto 84 – Idem: os risos e as conversas banais dos vizinhos presentes.

Table des illustrations

Titre Foto 1 – Conjunto de casas na margem direita do rio.
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-1.jpg
Fichier image/jpeg, 244k
Titre Foto 2 – A escada, varanda e loja para os animais.
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-2.jpg
Fichier image/jpeg, 236k
Titre Foto 3 – Arranjo de uma casa com os materiais e a forma tradicional no âmbito de um plano de intervenção da Junta de Colonização Interna/Instituto de Reorganização Agrária (1975).
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-3.jpg
Fichier image/jpeg, 232k
Titre Foto 4 – Casario da aldeia de Rihonor de Castilla. Ao fundo a escola encerrada em 1976 por falta de população escolar.
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-4.jpg
Fichier image/jpeg, 300k
Titre Foto 5 – Casas em Rihonor de Castilla.
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-5.jpg
Fichier image/jpeg, 260k
Titre Foto 6 – Idem: Tendo no passado servido para habitação, são hoje palheiros para guarda do feno e animais.
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-6.jpg
Fichier image/jpeg, 272k
Titre Foto 7 – As Faceiras de Rio de Onor e Rihonor de Castilla. Ao fundo a aldeia espanhola. O regato que as divide, assinalado por algumas parreiras e arvores, é a linha divisória da fronteira entre os dois estados.
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-7.jpg
Fichier image/jpeg, 404k
Titre Foto 8 – O fértil terreno irrigado e vedado das Faceiras de ambas as aldeias, no dia em que é aberto à totalidade dos animais que comem no que resta das culturas recém-colhidas, antes de ser de novo lavrado e semeado (25 de Abril de 1976).
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-8.jpg
Fichier image/jpeg, 392k
Titre Foto 9 – A Faceira de Rio de Onor no único dia do ano em que a boiada pode ser observada, no seu conjunto, dentro da aldeia.
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-9.jpg
Fichier image/jpeg, 392k
Titre Foto 10 – A sementeira na Faceira de Rihonor de Castilla; na aldeia portuguesa já foi quase totalmente concluída. A partir de então as Faceiras voltam a ser vedadas até ao ano seguinte.
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-10.jpg
Fichier image/jpeg, 412k
Titre Foto 11 – Sementeira do centeio na folha do pão.
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-11.jpg
Fichier image/jpeg, 420k
Titre Foto 12 – O acarrejo do pão para a eira onde é feita a meda aguardando a debulha.
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-12.jpg
Fichier image/jpeg, 436k
Titre Foto 13 – A malhodeira que faz a debulha.
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-13.jpg
Fichier image/jpeg, 364k
Titre Foto 14 – A malha. O transporte da palha com o movimento síncrono de três espalhadeiras, para a feitura do medeiro (Agosto de 1977).
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-14.jpg
Fichier image/jpeg, 352k
Titre Foto 15 – Malhas. Refeição da quadrilha (Agosto de 1977).
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-15.jpg
Fichier image/jpeg, 600k
Titre Foto 16 – Vizinho a servir-se do moinho comunal no seu dia de turno.
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-16.jpg
Fichier image/jpeg, 240k
Titre Foto 17 – Feitura do carvão com a cepa da urze; actividade hoje residual, mas recurso económico de extrema importância até meados do século.
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-17.jpg
Fichier image/jpeg, 272k
Titre Foto 18 – Mulher da aldeia portuguesa a lavar já em território espanhol, junto ao marco divisório da fronteira.
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-18.jpg
Fichier image/jpeg, 244k
Titre Foto 19 – Conselho para a eleição dos mordomos: os mordomos cessantes conferem as contas antes do início da eleição (1 de Janeiro de 1976).
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-19.jpg
Fichier image/jpeg, 340k
Titre Foto 20 – Idem: tempo de espera. O presidente da Junta de Freguesia, com o livro no joelho, tratará igualmente de assuntos de interesse geral.
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-20.jpg
Fichier image/jpeg, 320k
Titre Foto 21 – Conselho para a eleição dos mordomos (1976): a votação. Cada vizinho nomeia aqueles que deseja para mordomos, indicação que um dos mordomos cessantes inscreve com a navalha na tala. O secretário da Junta de Freguesia assiste à votação.
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-21.jpg
Fichier image/jpeg, 924k
Titre Foto 22 – Conselho para a eleição dos mordomos: inscrição do voto na tala (1 de Janeiro de 1978).
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-22.jpg
Fichier image/jpeg, 248k
Titre Foto 23- Idem.
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-23.jpg
Fichier image/jpeg, 248k
Titre Foto 24 – Conselho para a eleição dos mordomos: os mordomos cessantes passam as contas a um dos mordomos eleitos (I de Janeiro de 1978).
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-24.jpg
Fichier image/jpeg, 384k
Titre Foto 25 – Conselho para eleição dos mordomos: a tala, a canada, o copo e o garrafão de vinho trazidos para a eleição que teve lugar, pela primeira vez, num espaço fechado-a escola velha transformada em Casa do Povo (1 de Janeiro de 1982).
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-25.jpg
Fichier image/jpeg, 112k
Titre Foto 26 – Conselho para limpeza e feitura das agueiras nos coutos (Março de 1975).
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-26.jpg
Fichier image/jpeg, 420k
Titre Foto 27 – Idem: pausa para a merenda.
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-27.jpg
Fichier image/jpeg, 164k
Titre Foto 28 – Conselho para limpeza e feitura das agueiras nos coutos: a merenda (Março de 1976).
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-28.jpg
Fichier image/jpeg, 468k
Titre Foto 29 – Conselho para a limpeza dos coutos (Março de 1981).
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-29.jpg
Fichier image/jpeg, 388k
Titre Foto 30 – Concejo para a limpeza e feitura das agueiras no coto da aldeia de Rihonor de Castilla (Março de 1976).
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-30.jpg
Fichier image/jpeg, 320k
Titre Foto 31 – Idem: pausa para a merenda.
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-31.jpg
Fichier image/jpeg, 340k
Titre Foto 32 – Conselho para tapar as presas nos coutos: arranque de torrões com ervas (Agosto de 1976).
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-32.jpg
Fichier image/jpeg, 428k
Titre Foto 33 – Idem: colocação e aperto dos torrões.
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-33.jpg
Fichier image/jpeg, 512k
Titre Foto 34 – Idem.
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-34.jpg
Fichier image/jpeg, 760k
Titre Foto 35 – Conselho para a reparação de uma das presas nos coutos: transporte das pedras (Agosto de 1976).
Légende Foto 36 – Idem.
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-35.jpg
Fichier image/jpeg, 248k
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-36.jpg
Fichier image/jpeg, 276k
Titre Foto 37 – Idem.
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-37.jpg
Fichier image/jpeg, 284k
Titre Foto 38 – Idem: colocação das pedras.
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-38.jpg
Fichier image/jpeg, 920k
Titre Foto 39 – Conselho para a segada do feno no couto (23 de Junho de 1976).
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-39.jpg
Fichier image/jpeg, 232k
Titre Foto 40 – Idem: pausa para a merenda.
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-40.jpg
Fichier image/jpeg, 276k
Titre Foto 41 – Pausa para a merenda no dia da segada do couto no final dos anos 40 (foto Jorge Dias).
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-41.jpg
Fichier image/jpeg, 76k
Titre Foto 42 – Conselho para a segada do feno no couto: à tarde os homens espalham o feno cortado para que seque, servindo-se do cabo dagadanha.
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-42.jpg
Fichier image/jpeg, 460k
Titre Foto 43 – Idem: pausa para a merenda e votação para decidir sobre a casa por onde começaria, à roda, a utilização do moinho.
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-43.jpg
Fichier image/jpeg, 500k
Titre Foto 44 – Idem: regresso a casa ao fim do dia.
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-44.jpg
Fichier image/jpeg, 344k
Titre Foto 45 – Os cinco carros de feno segado no couto, para o touro da aldeia, antes de serem descarregados (25 de Junho de 1976).
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-45.jpg
Fichier image/jpeg, 400k
Titre Foto 46 – Conselho para alargamento do couto com desvio do rio (Agosto de 1977).
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-46.jpg
Fichier image/jpeg, 296k
Titre Foto 47 – Idem.
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-47.jpg
Fichier image/jpeg, 292k
Titre Foto 48 – Idem.
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-48.jpg
Fichier image/jpeg, 244k
Titre Foto 49 – Conselho para a feitura da agueiro da Faceira das hortas dentro da aldeia (Maio de 1976).
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-49.jpg
Fichier image/jpeg, 408k
Titre Foto 50 – Idem: depois do trabalho, à espera do vinho que o mordomo foi buscar.
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-50.jpg
Fichier image/jpeg, 284k
Titre Foto 51 – Espera, ao abrigo do vento, para o conselho de arrematação dos bens dos Santos (Janeiro de 1976).
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-51.jpg
Fichier image/jpeg, 272k
Titre Foto 52 – Votação “por pedras” para decidir sobre a aquisição de um touro comunal (Janeiro de 1976).
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-52.jpg
Fichier image/jpeg, 256k
Titre Foto 53 – Conselho pura a cava da vinha do Santo (Maio de 1976).
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-53.jpg
Fichier image/jpeg, 372k
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-54.jpg
Fichier image/jpeg, 112k
Titre Foto 54 – Conselho para a vindima da vinha do Santo: leilão das uvas (Outubro de 1976).
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-55.jpg
Fichier image/jpeg, 300k
Titre Foto 55 – Conselho para o arranjo dos caminhos para o acarrejo (Julho de 1976).
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-56.jpg
Fichier image/jpeg, 372k
Titre Foto 56 – Conselho para arranjo da estrada e do caminho dos coutos, em Novembro de 1973 (foto Benjamim Pereira).
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-57.jpg
Fichier image/jpeg, 468k
Titre Foto 57 – Conselho para o arranjo da escola velha (Janeiro de1976).
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-58.jpg
Fichier image/jpeg, 976k
Titre Foto 58 – Conselho para a reconstrução do muro da Faceira (Fevereiro de1976).
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-59.jpg
Fichier image/jpeg, 432k
Titre Foto 59 – Conselho misto de Rio de Onor e Rihonor de Castilla para decidir sobre o arranjo do caminho internacional que conduz às vinhas de ambas as aldeias (Setembro de 1976).
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-60.jpg
Fichier image/jpeg, 380k
Titre Foto 60 – Concejo de Rihonor de Castilla reunido no sítio habitual (1976).
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-61.jpg
Fichier image/jpeg, 424k
Titre Foto 61 – Convocação extraordinária do povo para combater um incêndio na eira da aldeia espanhola (Março de 1975).
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-62.jpg
Fichier image/jpeg, 400k
Titre Foto 62 – Convocação extraordinária dos homens do Conselho (de ambas as aldeias) para enterrar uma vaca morta por doença (Setembro de 1975).
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-63.jpg
Fichier image/jpeg, 568k
Titre Foto 63 – Convocação extraordinária dos homens do Conselho (de ambas as aldeias) para enterrar uma vaca morta por doença (Setembro de 1975).
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-64.jpg
Fichier image/jpeg, 276k
Titre Foto 64 – Idem.
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-65.jpg
Fichier image/jpeg, 252k
Titre Foto 65 – Idem.
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-66.jpg
Fichier image/jpeg, 260k
Titre Foto 66 – Na rua: o dia em que cada um dos vizinhos faz a tosquia das suas ovelhas.
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-67.jpg
Fichier image/jpeg, 232k
Titre Foto 67 – Na rua: o fabrico da aguardente.
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-68.jpg
Fichier image/jpeg, 272k
Titre Foto 68 – Na rua: a cobertura da porca.
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-69.jpg
Fichier image/jpeg, 236k
Titre Foto 69 – Na rua: enquanto um homem pica o gadanho, um garoto diverte-se afazer propaganda eleitoral.
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-70.jpg
Fichier image/jpeg, 464k
Titre Foto 70 – Na rua: um homem corta o cabelo, uma mulher vem da eira com um feixe de palha e, ao fundo, um homem escava um tronco de árvore para fazer uma colmeia.
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-71.jpg
Fichier image/jpeg, 416k
Titre Foto 71 – Na rua: o carpinteiro faz. uma grade diante da casa do vizinho que a encomendou.
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-72.jpg
Fichier image/jpeg, 452k
Titre Foto 72 – Na rua: um homem faz a untaça com as banhas do porco.
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-73.jpg
Fichier image/jpeg, 204k
Titre Foto 73 – À lareira a fiar.
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-74.jpg
Fichier image/jpeg, 220k
Titre Foto 74 – A visita das casas no Domingo de Páscoa.
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-75.jpg
Fichier image/jpeg, 424k
Titre Foto 75 – Os folares da Páscoa acabados de cozer no principal forno de herdeiros da aldeia.
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-76.jpg
Fichier image/jpeg, 428k
Titre Foto 76 – A ronda da manhã em dia de casamento: os tocadores de gaita e caixa com familiares dos noivos regressam à aldeia portuguesa depois de terem feito a volta à aldeia espanhola.
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-77.jpg
Fichier image/jpeg, 364k
Titre Foto 77 – Cortejo acompanhando o noivo até à casa da noiva antes da cerimónia na igreja.
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-78.jpg
Fichier image/jpeg, 344k
Titre Foto 78 – A fita talanqueira colocada como barreira à saída da igreja é desempenhada pelos recém-casados e pelo padrinho mediante uma dádiva às raparigas, depois de ouvidas as loas.
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-79.jpg
Fichier image/jpeg, 244k
Titre Foto 79 – A meio do caminho para a casa da boda os rapazes solteiros barram a rua, despedem-se dos noivos e pedem dinheiro para vinho, entoando loas.
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-80.jpg
Fichier image/jpeg, 284k
Titre Foto 80 – A feitura das comidas da boda.
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-81.jpg
Fichier image/jpeg, 228k
Titre Foto 81 – Um vizinho que dividiu, em vida, parte dos bens pelas duas filhas, faz o sorteio dos lotes com a ajuda do neto.
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-82.jpg
Fichier image/jpeg, 360k
Titre Foto 82 – Idem.
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-83.jpg
Fichier image/jpeg, 348k
Titre Foto 83 – A morte: o velório com os parentes próximos junto ao corpo.
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-84.jpg
Fichier image/jpeg, 328k
Titre Foto 84 – Idem: os risos e as conversas banais dos vizinhos presentes.
URL http://books.openedition.org/etnograficapress/docannexe/image/2178/img-85.jpg
Fichier image/jpeg, 394k

© Etnográfica Press, 1996

Licence OpenEdition Books

Cette publication numérique est issue d’un traitement automatique par reconnaissance optique de caractères.
Rechercher dans OpenEdition Search

Vous allez être redirigé vers OpenEdition Search