Vous l’avez sans doute déjà repéré : sur la plateforme OpenEdition Books, une nouvelle interface vient d’être mise en ligne.
En cas d’anomalies au cours de votre navigation, vous pouvez nous les signaler par mail à l’adresse feedback[at]openedition[point]org.

A memória da cidade: escrita e poder em Évora (1415-1536)

Biblioteca - Estudos & Colóquios

Éditeur : Publicações do Cidehus

Lieu d’édition : Évora

Publication sur OpenEdition Books : 5 février 2018

Collection : Biblioteca - Estudos & Colóquios

Année d’édition : 2017


Présentation

Em A memória da cidade: escrita e poder em Évora (1415-1536), o acto escrito, produzido e/ou conservado pela câmara do concelho, é o palco privilegiado de identificação e análise dos poderes que exercem posições de domínio no espaço documental, à semelhança do que acontece no quotidiano da administração municipal eborense. O rei, a câmara, os profissionais da escrita e os indivíduos que sabem escrever o seu nome são alguns dos poderes em presença nos pergaminhos e papéis conservados pelo arquivo da câmara, entre 1415 e 1536. Dividida em duas partes fundamentais, a obra acompanha a formação e a consolidação do arquivo municipal, e as diferentes formas de projecção dos diferentes poderes da cidade nesse mesmo arquivo. Na relação que se estabelece entre escrita e poder, forja-se uma memória para a cidade.

Imagem da capa: Arquivo Distrital de Évora, Fundo Municipal, Segundo Livro de Pergaminho, fl. 38v.


Sommaire

Maria Helena da Cruz Coelho

A consolidação de um despertar...

Parte I - A construção do arquivo

Parte II - A projecção documental dos poderes


Le texte seul est utilisable sous licence Licence OpenEdition Books. Les autres éléments (illustrations, fichiers annexes importés) sont « Tous droits réservés », sauf mention contraire.